Você sabia? Agora bancos, fintechs e fundos podem realizar propostas para antecipação de recebíveis

Uma das estratégias para obter capital de giro sem se submeter a juros muito altos é antecipar recebíveis. Por isso, algumas empresas já adotam essa prática.

A partir dela, o gestor pode manter um fluxo de caixa mais sustentável. Embora não tenha se popularizado tanto quanto deveria, é uma boa solução para obter mais liquidez e, assim, se livrar de apertos — principalmente de última hora.

Neste post, vamos mostrar como bancos, fintechs e fundos podem realizar propostas para antecipação de recebíveis. Fique por dentro a seguir!

O que é antecipação de recebíveis?

Antecipação de recebíveis é um recurso que proporciona à empresa o adiantamento de dinheiro dos clientes que seria recebido futuramente. Essa prática ajuda a evitar o nível de endividamento da empresa.

O recurso funciona por meio de um pedido da empresa a um banco, fintech ou outro operador financeiro. Selecionam-se as notas fiscais que se deseja receber e a instituição financeira efetua o pagamento. Instituições mais tradicionais costumam apresentar mais burocracia no desenvolvimento do processo.

Uma vantagem é que taxas como IOF (imposto sobre operações financeiras) e TAC (taxa de abertura de crédito) não são cobradas.

Quais são as instituições que antecipam recebíveis?

Vamos listar aqui as instituições que trabalham com a antecipação de recebíveis:

  •         Banco: instituição financeira que se dedica a administrar o dinheiro de pessoas físicas e jurídicas;
  •         Fintech: instituição nativa do mercado financeiro que utiliza a tecnologia para oferecer serviços modernizados e com custos mais acessíveis (como os bancos 100% digitais);
  •         Factoring: instituição que se dedica a comprar os direitos creditórios das empresas;
  •         FIDC: são os fundos de investimento em direitos creditórios e usam esses direitos creditórios como lastros para o fundo de investimento;
  •         Techfin: instituição que se dedica a serviços financeiros com base na tecnologia e em dados, abrangendo além do próprio setor financeiro.

antecipação de recebíveis

Como o cálculo da taxa de antecipação é realizado?

A taxa de antecipação de recebíveis consiste na aplicação de uma taxa de desconto relativa a 30 dias. Existe também uma taxa administrativa que incide sobre o valor bruto da venda, mesmo que não seja antecipada nenhuma venda. É um valor que não deve ser adicionado à taxa de antecipação.

Assim, é preciso descontar a taxa administrativa do valor total e dividir o resultado pelo total de parcelas. Assim, você terá o valor da parcela já com a taxa administrativa descontada e poderá aplicar a taxa de antecipação.  Vamos exemplificar para um melhor entendimento.

Uma empresa realizou uma venda de R$ 2.500,00 em 5 vezes no cartão de crédito. Digamos que a taxa administrativa da operadora de cartão seja de 3%. Então:

  •         3% x 2.500 = 75;
  •         2.500 – 75 = R$ 2.425,00.

Logo, a empresa receberá 5 parcelas de R$ 485,00. Se ela deseja antecipar parcelas, incidirá a taxa de antecipação (de 3% também). Temos o seguinte quadro, conforme a quantidade de parcelas adiantadas:

  •         1x / 30 dias / 3% / 485 – 3% = R$ 470,45;
  •         2x / 60 dias / 3% x 2 / 485 – 6% = R$ 455,90;
  •         3x / 90 dias / 3% x 3 / 485 – 9% = R$ 441,35,00;
  •         4x / 120 dias / 3% x 4 / 485 – 12% = R$ 426,80;
  •         5x / 150 dias / 3% x 5 / 485 – 15% = R$ 412,25.

Como saber se vale a pena?

Só faça antecipação de recebíveis depois de um cuidadoso planejamento financeiro. Algumas situações em que vale a pena essa prática são:

  •         Aumento de capital de giro;
  •         Pagamento de despesas (fornecedores e funcionários);
  •         Manutenção de um fluxo de caixa positivo (evitando ficar “no vermelho” no momento atual, mesmo com a redução do valor que será recebido);
  •         Pagamentos em curto prazo porque, quanto maior o período de antecipação, maior a taxa.

A antecipação de recebíveis pode ser uma boa solução para sua empresa contornar certos problemas, especialmente em épocas de crise. O importante é escolher uma boa instituição, com taxas mais atrativas e processos menos burocráticos.

O post esclareceu suas dúvidas? Conheça melhor nossos serviços, entre os quais a antecipação de recebíveis. Aproveite e visite e siga nossas páginas do Instagram e no Facebook!

Comentário no facebook

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.