Conciliador de cartões: o que deve ser considerado ao escolher o seu?

Por que usar um conciliador de cartões? Em que o varejista se beneficia com o uso desse recurso? Trata-se de uma ferramenta que ajuda o gestor a ter um controle mais efetivo sobre suas vendas. Além disso, o conciliador também ajuda a gerenciar as tarifas e as antecipações de recebíveis.

Neste artigo, vamos mostrar o que você deve avaliar na hora de escolher seu conciliador de cartões. Isso é importante para que a ferramenta atenda realmente às necessidades de sua loja. Responda às perguntas abaixo e você conseguirá identificar a melhor opção!

O conciliador de cartões se integra com o sistema de gestão?

Para que o conciliador de cartões alcance seu objetivo é preciso que ele se integre ao próprio sistema de gestão da empresa.

A integração permite o compartilhamento automático de informações, o que garante a confiabilidade dos dados e dos resultados. Toda mercadoria comercializada no PV através do software deve passar pelo conciliador de cartões. Atualmente, podemos encontrar diferentes softwares de gestão, um sistema de conciliação eficiente oferece rápida e prática integração.

É possível conciliar os três meios de captura?

Hoje, há três meios de captura de vendas de cartão:

  •         POS;
  •         TEF;
  •         Web.

É importante que o sistema conciliador se compatibilize com os três. Muitos negócios do varejo são formados por dois ou três meios diferentes — assim, o conciliador não consegue efetuar a conferência de somente um método de captura.

Para os estabelecimentos que usam POS, o sistema conciliador deve apresentar a função de completar os arquivos enviados do sistema de gestão para efetuar a verificação com precisão.

Como é a usabilidade do conciliador de cartões?

Outro ponto a considerar é a usabilidade do conciliador, ou seja, a forma como ele se apresenta para o usuário. Diante da tecnologia moderna, é importante que o sistema se apresente de três modos diferentes:

Conciliador de cartões

Aplicativo

Um aplicativo que permite ao varejista acessar conferências, informações, resultados e relatórios. Isso é importante para que haja uma interação maior entre o varejista e o sistema de conciliação.

Portal

Trata-se de uma página na internet que só pode ser acessada pelo usuário. No portal, há as mesmas informações que estão presentes no aplicativo.

É uma opção para quem não pode acessar o app naquele momento ou não pode/deseja instalar o aplicativo.

E-mail

O conciliador de cartões também deve ter um recurso para enviar e-mails automaticamente com as informações mais relevantes. É fundamental nas empresas de grande porte.

O sistema funciona na nuvem?

Um sistema de conciliação eficiente deve ter um servidor na nuvem, ou seja, não é preciso instalar um software no servidor da empresa. É uma vantagem que torna os processos mais rápidos, diminui as chances de falhas e reduz custos.

O conciliador atende uma boa quantidade de adquirentes?

É comum que um estabelecimento trabalhe com muitos adquirentes. Isso nem sempre é o melhor, mas ainda é muito habitual.

De qualquer forma, o sistema conciliador deve ter potencial para prestar atendimento à maior quantidade de adquirentes possível. Isso é ainda mais relevante para as adquirentes regionais. Como se trata de um sistema de averiguação de vendas em cartões, é necessário que seja imparcial.

Ao analisar esses critérios, ao responder essas questões, suas possibilidades de adquirir um conciliador de cartões eficiente serão maiores.

Esse conteúdo foi útil? Fazer a conciliação é uma prática que oferece mais segurança para todo varejista. Para mais detalhes sobre o assunto, veja em que consiste, em mais detalhes, um sistema conciliador de cartões!

Comentário no facebook

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.